O Instituto de Permacultura da Bahia (IPB) está realizando, em parceria com o Banco do Nordeste e o Instituto Nordeste Cidadania (INEC), a reforma de um prédio no centro histórico de Rio de Contas/BA, utilizando técnicas de bioconstrução, onde será instalado o Espaço Nordeste – Rio de Contas; um espaço voltado para o desenvolvimento de ações e eventos socioculturais, bem como a prática de negócios com o Crediamigo e Agroamigo. Paralelamente às obras de reforma do Espaço Nordeste Rio de Contas, está sendo realizado o “Curso de Formação em Técnicas de Bioconstrução” para pedreiros, estudantes e profissionais da área e da região, com carga horária total de 52 horas. O objetivo da iniciativa é que o processo construtivo do Espaço Nordeste seja integrado à formação de profissionais do local, promovendo o resgate do conhecimento ancestral de moradia, conhecimento do oficio de construir com Terra e o convívio sustentável com a natureza, priorizando a economia local, popularizando a Permacultura e a bioconstrução na região. As construções tradicionais do centro histórico de Rio de Contas foram realizadas com adobão, técnica ancestral e ambientalmente responsável. Dessa forma, o objetivo do projeto é aliar os conhecimentos e técnicas ancestrais da região, amplamente utilizadas em um passado recente, a outras técnicas ambientalmente responsáveis, como o tratamento ecológico de águas, Bacia de Evapo-transpiração (fossa ecológica), pintura de paredes “Tabatinga”, reboco com fibras vegetais e animais e super-adobe (técnica de construção que utiliza sacos de ráfia e terra).O curso é gratuito e tem caráter teórico-prático, buscando estimular a construção e troca de saberes por meio de discussões temáticas, observações e atividades no prédio em reforma, dinâmicas de sensibilização e interatividade, como forma de possibilitar o aprofundamento de cada envolvido no processo. O curso é composto por cinco módulos, com os seguintes temas: Módulo I: Introdução à Permacultura e princípios da Bioconstrução; Módulo II: Reboco Natural; Módulo III: Técnica de Super-adobe; Módulo IV: Saneamento ecológico e Módulo V: Pintura Natural. Os permacultores Nagoy Sol e Rafael Meller são os coordenadores do curso, que conta também com a facilitação dos permacultores David Borja e Maura Pezzato.Estão participando desta formação os profissionais da reforma do prédio do Espaço Nordeste, estudantes do Centro de Educação Tecnológica do Estado da Bahia – CETEB, do Colégio Estadual Carlos Souto, representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN, Associação do Semi-Árido da Microregião de Livramento – ASAMIL, entre outros.Fonte: http://www.permacultura-bahia.org.br/noticias.php?cod=344

Share This